Social Selling: veja como usar as redes sociais para aumentar as vendas

agosto, 2018 Mídias sociais

O advento do marketing digital trouxe novas expressões ligadas às estratégias de venda de uma marca. Uma das mais famosas e mais importantes para o mercado dos negócios é o chamado Social Selling.

Esse termo está ligado à influência que as redes sociais exercem sobre o poder de decisão de compra dos consumidores. Dessa maneira, são compostas estratégias de marketing que constroem um relacionamento com os potenciais clientes de uma determinada marca.

Pensando nisso, neste artigo, apresentaremos o conceito de Social Selling e de que forma ele ajuda uma empresa a vender mais. Acompanhe a leitura!

O que é Social Selling?

Social Selling é o método de usar as redes sociais com o intuito de encontrar e manter uma relação de confiança com o público e, assim, nutrir perspectivas de vendas. Trata-se de estratégias mais evoluídas do que os procedimentos tradicionais de venda.

O Social Selling usa a marca pessoal da empresa e o networking para alcançar os clientes certos por meio do funil de vendas e, assim, construir relacionamentos mais sólidos no mercado.

Quais são seus quatro pilares?

O Social Selling costuma estar embasado sobre 4 pilares universais.

1. Consolidar a marca pessoal

O Social Selling ajuda a estabelecer e conquistar a sua marca pessoal — Personal Brand. Ela é a sua reputação dentro do mercado. Como os negócios são altamente competitivos, uma marca pessoal adequada gera confiança e representatividade perante um cliente e aumenta as chances de conversões.

2. Encontrar Pessoas

É o networking. Nesse pilar, são utilizados métodos que estabelecem uma rede de contatos participativa e colaborativa na rede social.

Essa interação é útil para entender as necessidades e problemas da persona e poder ajudá-la a alcançar seus objetivos.

3. Engajar com conhecimento

Engajar significa envolver-se com o público-alvo por meio da produção de conteúdo interessante e de qualidade.

Esse tipo de estratégia faz parte do início do processo e refere-se à produção e compartilhamento de conteúdo próprio e relevante, levando-se em conta os problemas, anseios e necessidades do público-alvo.

4. Construir relacionamentos

Construir relacionamentos por meio das redes sociais permite ampliar as conexões e as relações entre os negócios e potenciais clientes. Compartilhe suas ideias e seus pensamentos. Isso ajuda a influenciar as suas ações e experiências.

Como adotar uma estratégia de Social Selling?

As mídias sociais funcionam como métricas que ajudam as empresas a descobrirem mais sobre os prospectos, antes mesmo de produzir conteúdo ou abordá-los.

Uma empresa consciente deve ficar atenta à definição adequada do cliente. Por isso, ela deve participar dos canais em que o público-alvo está presente. Isso ajuda a entender o perfil deles, o nível de engajamento com a empresa etc.

É essencial conhecer quais são os canais em que os clientes estão mais presentes e ativos. Pode ser o LinkedIn — muito usado para o B2B — ou o Facebook, Instagram e Twitter — redes que têm como foco o B2C.

Quais são os benefícios dessa estratégia?

Redução do ciclo de vendas

Os mecanismos de pesquisa do Social Selling permitem conhecer as preferências, dúvidas, desejos e opiniões dos clientes. A partir daí a empresa se concentrará nesses fatores para aumentar as vendas.

Aumento da reputação online

A reputação online é construída por meio de opiniões, avaliações e comentários de clientes no perfil social da empresa.

Geração de leads

As estratégias de Social Selling geram leads porque atraem consumidores. E têm como consequência o aumento das chances de uma marca ser lembrada no momento da compra, favorecendo a fidelização de clientes.

Otimização das vendas online e off-line

A adoção de métodos de Social Selling ajuda a otimizar as vendas, tanto nas redes online quando fora delas. Manter uma boa reputação ajuda na indicação informal e é uma ótima aliados no momento de decisão de compra.

Como vimos, o Social Selling ajuda a nutrir um relacionamento melhor entre possíveis clientes e a manter a marca conectada, ao alcance de seus usuários. Conhecer o público ajuda a oferecer para ele as melhores experiências e aumenta as chances de leads, fazendo com que o aumento das vendas e a fidelização se concretizem mais rapidamente.

Este artigo foi útil? Siga a gente nas redes sociais — Facebook, Linkedin, Vimeo e Instagram — e  fique por dentro dos melhores conteúdos!

Tags