Google: entenda como a plataforma funciona!

“Como o Google funciona?” é um dos pensamentos mais comuns entre os usuários que pensam em investir em sites e blogs. Sabemos que a multinacional se tornou a maior empresa rentável de serviços online e software do mundo, oferecendo hospedagem e desenvolvendo uma série de produtos e serviços para a internet. A principal fonte de lucro da plataforma é através da publicidade pelo Google Adwords.

Entender como o Google funciona é o primeiro passo para a construção de um site bem arquitetado para aparição na primeira página da plataforma. E para que isso aconteça, é necessário compreender quais as técnicas que devem ser utilizadas para que o Google ranqueie seu site em uma posição interessante em buscas orgânicas.

O que é relevante para o Google?

O Google funciona levando em consideração algumas técnicas relevantes que são de extrema importância para o ranqueamento de um site. Essas técnicas otimizadas de SEO tornam a busca orgânica possível e, existem alguns pontos de destaque que influenciam seu posicionamento. Mas é importante entender que alguns desses fatores podem trazer influência negativa para seu ranqueamento, por isso vamos esclarecer quais estratégias importam mais ou menos na hora do desenvolvimento de um site e de como aparecer no Google.

Conteúdo

A produção de conteúdo de um site ou blog requer atenção e elaboração precisa. Isso porque, as técnicas de SEO se tornaram a principal ferramenta para fazer sua página ser reconhecida pelo Google.

A criação de um texto bem desenvolvido para um artigo leva em consideração algumas técnicas. Onde, por muitas vezes, não acreditamos que elas possam gerar algum resultado. O Google funciona rastreando os sites que utilizam as estratégias de marketing de conteúdo de maneira expressiva e habilidosa, como por exemplo, os chamados termos relevantes.

Esses termos consistem em algumas palavras que são relacionadas ao conteúdo que está sendo dissertado. Por exemplo, se um artigo tem a intenção de explicar sobre os melhores aplicativos do ano e o redator vincula palavras como celular, smartphone, apple e android, elas não trarão relevância para o texto. Mas se foi dito: aplicativos mobile, top aplicativos, mobile app, apps de 2019, esses termos possuem uma força muito grande para otimizar o texto e por isso, é muito importante o uso de palavras relacionadas diretamente com o conteúdo.

Links internos e externos

A presença de links internos dentro do conteúdo também é algo muito interessante. Os links auxiliam a apresentar o que está sendo tratado no texto de uma forma mais clara ao leitor, porque ele poderá circular entre assuntos relacionados e entender melhor determinadas questões sem sair do seu site, possuindo então uma influência gigantesca para a otimização do seu conteúdo. Entretanto, os links externos, aqueles que direcionam o leitor para outros sites, podem ter uma influência negativa. Isso também acontece com alguns tipos de banners, é preciso cautela e estudo para entender a funcionalidade do banner, porque, caso contrário, pode ser prejudicial ao site.

Volume de palavras

Podemos citar a quantidade de palavras presentes em um artigo como algo extremamente relevante para um melhor posicionamento do site. Isso não é regra nas técnicas SEO, porém quanto mais conteúdo, mais interessante para o Google. Assim funciona também a legibilidade. Ou seja, não adianta possuir um bom conteúdo se seu site não é visivelmente harmonioso e facilmente encontrado por meio de pesquisas na página do Google. Os robôs da plataforma precisam entender o quão interessante é a temática tratada por seu site. Posicionar palavras-chave o mais perto do topo do seu artigo e usá-las diversas vezes ao longo do seu texto, colabora para uma melhor legibilidade.

Chame a atenção do Google pelos títulos!

O que ajuda a posicionar melhor seu site é a escolha de um título forte. E a realização de uma descrição que chame a atenção, podendo usar ou não caracteres. Isso faz o leitor se sentir atraído e querer descobrir sobre o que está sendo tratado naquele texto. Muitas vezes, o leitor já busca por algo específico, então é importante que o redator traga para o título as palavras que possivelmente serão buscadas no Google.

Click Through Rate

Os mecanismos do Google também colaboram para ajudar no posicionamento do seu site. O CTR (Click Through Rate) é uma das métricas que a plataforma adota e que entende a quantidade de vezes que seu site é clicado. Então, se por algum motivo seu site está em segunda posição, porém está recebendo mais cliques que a primeira posição, o Google identifica essa situação e a tendência é que ele melhore seu posicionamento. Isso também vale para o tempo de permanência que um usuário passa em seu site. Seu conteúdo deve mostrar desenvoltura e esclarecer dúvidas. Assim, o leitor tende a gastar mais alguns minutos procurando o que lhe interessa e isso colabora para o ranqueamento.

Design responsivo

Mais um ponto que o Google considera para que seu site tenha uma boa relevância é seu design responsivo. Ou seja, é importante que seu site esteja preparado e adequado para todos os tipos de dispositivos móveis (como celulares e tablets). Fotos junto ao texto, integração de vídeos e tamanho das fontes não possuem extrema relevância. Porém, são muito importantes e é sempre interessante fazer uso desses elementos de forma orgânica.

Fatores técnicos do Google

O Google também reconhece algumas questões um pouco mais técnicas. A primeira a ser considerada é a questão da visibilidade. Como já dito, estar visível na primeira página do Google pode ter relação completa com as técnicas de SEO. Mas a visibilidade do domínio também tem grande relevância. Isso quer dizer que, quando as pessoas procuram pelo nome do teu site, sua posição estará sempre no topo da primeira página do Google. Isso acontece porque a plataforma reconhece que, se busca for voltada diretamente e frequentemente para o seu site, seu domínio já é reconhecido pelos usuários e sua empresa possui certa autoridade no assunto.

A velocidade do site é considerada mais uma questão interessante para o Google, isso porque a performance de um site afeta diretamente a experiência dos usuários na página.

O certificado de segurança HTTPS é bem relevante quando se trata de um site e-commerce. Palavras chaves no domínio não possuem muita influência para ranqueamento do Google. Assim como domínios terminados em .com, .com.br, .net, entre outros, não prejudicam a posição na primeira página.

Contrate uma agência especialista!

Entender como o Google funciona em suas partes técnicas e as estratégias de otimização de um texto é fundamental. Pois assim, a longo prazo, ajudará no ranqueamento de seu site na primeira página da plataforma. O Google é hoje o maior serviço online e também o mais disputados pelas empresas que querem estar em evidência, assim, se você deseja que seu site alcance as melhores posições de ranqueamento e com isso tenha maiores taxas de conversão, seguir as dicas citadas nesse artigo juntamente com o auxílio de uma agência especializada em marketing digital, como a Reinos Unidos, ajudará a atingir seus objetivos.

Reinos Unidos agência de Marketing Digital from Reinos Unidos on Vimeo.